S07-07

S07-07

A reconfiguração da reportagem jornalística no Instagram

Com a ascensão da internet e das redes sociais, o jornalismo passa por transformações (Charron & Bonville, 2016). Essas transformações apontam para a estruturação da informação jornalística em novos gêneros e formatos, inclusive com processos de hibridização (Canavilhas & Rodrigues, 2017). Um dos formatos jornalísticos que se reconfigura é o da reportagem (Firmino, 2015). Essas transformações impactam na própria relação do leitor com a informação jornalística produzida (Deuze, 2015). Esse trabalho investiga como se dá a construção de reportagens jornalísticas no aplicativo de mensagens Instagram. Para isso, acompanhamos as postagens do jornalista Demitri Túlio, do Jornal O Povo, de Fortaleza. O jornalista publica fragmentos de reportagem em sua conta pessoal (@demitritulio), que ele classifica de ‘afetivas’, sobre o Parque do Cocó, maior floresta urbana de Fortaleza, desde 2013. Os fragmentos de reportagens são postados em pílulas diárias, retratando as lutas pela preservação da flora e da fauna. Em nossa análise, investigamos o impacto do jornalismo móvel na reconfiguração da reportagem, enquanto formato jornalístico; e a percepção do leitor para essa reconfiguração em torno de uma ambiência em que se destacam os prosumers. A base metodológica se apoia em pesquisa bibliográfica, análise da narrativa jornalística (Motta, 2013) e entrevistas. Como resultados parciais, percebemos que o formato reportagem no Instagram ganha tons de folhetim, à medida que surgem como publicações diárias e geram expectativas por novos capítulos.

 

Palavras-chave: Jornalismo; Gêneros; Formatos; Internet; Instagram; Reportagem.

Firmantes

Nombre Adscripcion Procedencia
Thaís Jorge Universidade Federal do Ceará Brasil
Edgard Patrício Universidade Federal do Ceará Brasil

ORGANIZA

COLABORA